Sites Grátis no Comunidades.net
Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Google-Translate-Portuguese to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese
Ultimas Atualizações
INDICE DOS ASSUNTOS   (17-10-2016)
GOLPE DE 64  (17-10-2016)
Snowden   (17-10-2016)
NOSTRADAMUS  (17-10-2016)
SÉCULO  (17-10-2016)

Rating: 3.3/5 (1402 votos)




ONLINE
1




Partilhe este Site...




HIV
HIV

This site requires Flash Player 8.0 or greater
Please click here to download.
(Arraste as Fotos e Clique 2 vezes para ampliar)

HIV é um dos temas mais pesquisados na área de ciências da saúde no mundo.

 

A cada ano há 137 mil novos casos de HPV (papilomavírus humano) no país, o que causa alguns tipos de câncer, principalmente o de colo do útero.

 

Por isso, o Senado do Brasil  aprovou, em dezembro de 2009, a inclusão da vacina contra a doença no Programa Nacional de Imunização, que visa controlar ou erradicar doenças infectocontagiosas .

 

O HIV-1 foi descoberto e identificado como causador da AIDS por Luc Montagnier e Françoise Barré-Sinoussi da França e Odete Ferreira de Portugal em 1983 no Instituto Pasteur na França.

 

 

Nos Estados Unidos, infectar voluntariamente outro indivíduo configura transmissão criminosa do HIV. Acontece o mesmo em muitos países ocidentais, inclusive no Brasil.

 

O vírus do HIV adaptou-se à espécie humana a partir de símios SIV.

 

Nas pessoas com HIV, o vírus pode ser encontrado no sangue, no esperma, nas secreções vaginais e no leite materno.

 

Assim, uma pessoa pode adquirir o HIV por meio de relações sexuais, sem proteção ( camisinha), com parceiros portadores do vírus, transfusões com sangue contaminado e injeções com seringas e agulhas contaminadas. Mulheres grávidas portadoras de HIV podem transmitir o vírus para o feto através da placenta, durante o parto ou até mesmo por meio da amamentação. A transmissão de doenças de mãe para filho é chamada de transmissão vertical.

 

 

 Transmissão

 

O vírus é mais freqüentemente transmitido:

1.   Pelo contacto sexual (característica que faz da AIDS uma doença ou infecção sexualmente transmissível).

2.    Pelo sangue (inclusive em transfusões), durante o parto (mãe para o filho).

3.    Durante a gravidez ou no aleitamento. Por isso é importante que todas as mulheres grávidas façam testes para HIV. No Brasil, é uma prática comum aconselhar gestantes que chegam ao hospital a fazer todos os testes de doenças transmissíveis verticalmente.

4.   No caso de transmissão pelo sangue, é mais provável por seringas compartilhadas entre usuários de drogas ou caso seja feita reutilização.

5.     A transmissão pelo beijo é altamente improvável (estimado em menos de 0,01% de probabilidade), pois o vírus é danificado por 10 substâncias diferentes presentes na saliva. Além disso existem poucas células CD4 na boca. Ter boa higiene oral e tomar os medicamentos diminui as possibilidades ainda mais.